Páginas

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Oi flores, hoje não tenho muito o que escrever, então vou falar um pouco mais da minha vida pra vcs me conhecerem um pouco melhor. Sabem eu quando me casei era muito nova, tinha 15 anos e já tive meu filho, e vivia muito feliz, mesmo largando escola, família, pois meus pais não gostavam do meu marido e  só foram em meu casamento porque meu avô materno obrigou. Eu era muito feliz e "magra". Depois de sete anos, eu voltei a estudar e terminei o ensino médio. Mas tbm tive a maior decepção da minha vida: meu marido me traiu. Meu mundo acabou, tudo parece que se transformou em um inferno, que eu não conseguia me livrar. Foi nesse momento que veio a compulsão, ficamos separados por 3 anos. Neste tempo cheguei a pesar 135 kg. E por muita persistência e promessas da parte dele, voltamos. Não me arrependo, ele mudou muito, vcs não imaginam o quanto. E sei que ele cuida de mim, porque sabe que comecei com a compulsão e outras neuras por causa do que ele me fez.  Consegui lhe perdoar, mas os problemas dentro de mim não. Mesmo estando com ele, e me tratando, a compulsão é maior. Ela comanda minha mente, tem dias que ela me domina, sinto culpa, e até nojo de mim, mas não consigo evitar. Os antidepressivos estão me ajudando, já me controlo muito mais que antes, durante 5 anos tive compulsões bombásticas todos os dias, e agora tenho no máximo duas por semana, quando chego a isso, sem contar a ajuda que vcs me dão com os comentários que fazem, me dando mais força pra vencer essa batalha diária. Por isso só tenho que agradecer o apoio de todas, e dizer que tbm estou aqui no que precisarem. E assim tenho coragem de contar minha história pra que vcs consigam me entender muito melhor. Bjuss.

14 comentários:

  1. Sua história é linda amor!
    Vc é uma guerreira! Conte comigo pra o que precisar!
    BjoSua história é linda amor!
    Vc é uma guerreira! Conte comigo pra o que precisar!
    Bjo

    ResponderExcluir
  2. Oi amora
    Vc já emagreceu bastante desde aquele tempo ruim até agora, então vc é consciente de que tem a determinação necessária pra chegr à sua meta.
    Não desista.

    Sobre o seu casamento, vc teve os seus motivos pra se separar e teve também motivos pra voltar, ninguém pode te julgar por nada pois só vc sabe o que te faz feliz.

    ResponderExcluir
  3. Sua história em parte se parece muito com a minha , também casei cedo , com 19 anos e tive meu filho tb com essa idade , só que além desse filho tive mais dois... hauhauhau
    Minha vida ficou parada por 8 anos e nesse período tb engordei :(
    Mas quero lhe dizer que pode contar comigo no que me for possível ajudar-lhe.
    Beijos e força!

    ResponderExcluir
  4. Poxa minha linda, tenho a idade que voc casou ha..ha.., nunca fui magra é nunca "/ mais em fim adorei sua historia, voc é muito linda viu?! porque você não como lax.? bjo bjo linda !

    ResponderExcluir
  5. Oi querida,
    Bem, sua história é interessante e apesar da compulsão alimentar vc´foi muito forte, pois eu sou uma pessoa, de certa forma, muito rancorosa e acho que não conseguiria perdoar uma traição, a não ser que tivesse uma boa explicação, não sei, eu não acredito em fidelidade eterna, mas acho que quando a gente não deixa faltar nada pro companheiro(a) e essa pessoa nos trai, deve ser ruim de mais.
    Minha tia engravidou com 15 anos, foi o inferno na vida de todo mundo aqui em casa, sou tão traumatizada que não quero engravidar de forma nenhuma... hahhaha
    Mas tenho muita vontade de adotar.
    Sabe, minha doença é bem antiga, mas eu só descobri ano passado, e foi pq eu não aguentei a pressão de um sentimento, e da indecisão de um cara...
    Eu nunca fui magra, um inferno neh?

    Beijos..
    (eu sempre escrevo de mais mesmo. rsrs)

    ResponderExcluir
  6. Ainda bem que o teu marido mudou e voçes agora estão bem..vais ver que rapidinho voltas à tua forma fisica e sem compulsão! ve-se que tu és forte e portanto tenho a certeza que vais conseguir! :) beijinhos*

    ResponderExcluir
  7. Poxa Elaine, pra quem já vivenciou tudo o que vc vivenciou, vc está muito bem. Vc é consciente do que causou esse trauma na sua vida e tenho certeza que as compulsões vêm da insegurança que vc sente. E tem também aquela vozinha que diz: "Que que tem se vc comer isso agora?Pior do que tá não vai fikar..." e lá vamos nós bobas escutá-la e comer pra preencher um vazio existencial. Quando você se sentir triste, lembra das pessoas que torcem por você e que querem te ver bem, bonita, divina e magérrima. Não deixa a auto estima te dominar. Se sinta linda agora, pois dentro de pouco vc será ainda mais poderosa, pois linda vc já é! Se cuida e um beijo no coração

    ResponderExcluir
  8. que bom q ele mudou neh e esta ai com vc até hoje.
    É dificil ter q controlar essas compulsões mas tenha força que vc vai conseguir...
    beijoos ♥

    ResponderExcluir
  9. oiiii florrr
    força !!
    um beijão

    ResponderExcluir
  10. Querida,que história!

    Eu sou realista,não tenho capacidade de dormir do lado de alguem q me traiu!
    Posso perdoar,mas voltar jamais!

    Mas vc pertence a um plano superior pq foi capaz de perdoar e isso é um bom começo para a evolução do ser humano.

    Minha família tambem nunca aceitou meu casamento pq meu marido é 26 anos mais velho q eu,e as pessoas não são capazes de imaginar o quanto sou feliz ao lado dele ao longo deses 5 anos!

    Vc já emagreceu muito,e se é capaz de perdoar é capaz de emagrecer mais ,pq seu corpo muda conforme a sua mente.

    Saúde pra vc e família.

    Beijo e força^^

    ResponderExcluir
  11. nossa que história mais emocionante hein se cuida querida,vai consegui varias conquistas

    ResponderExcluir
  12. Own minha linda, muito obrigada pelo elogio *-*, você que é demais, e's uma mulher admirável e espetacular ;)

    ResponderExcluir
  13. Você é um exemplo para todas nós! *-*

    ResponderExcluir
  14. Sua história é emocionante :) você é um exemplo :D eu sei que você vai vencer :D

    ResponderExcluir

Flores que estiveram aqui